Corrida de Rua de Pirituba, comenta um Atleta de Francisco Morato.


Na semana que iria ser realizada a corrida de rua de Pirituba, sofri contusão na quarta feira nas duas panturrilhas sendo a da perna direita mais forte que a da esquerda. A corrida iria ser realizada no domingo dias dos Pais. Já estava inscrito e não queria faltar e a única alternativa que me coube foi colocar gelo nas duas pernas, duas vezes por dia. No dia da corrida, fomos de trem, Eu e mais quatro Atletas de Francisco Morato.

Descemos na estação Piqueri e seguimos para o local onde chegamos por volta das 7:15hs. Eu estava meio receoso devido a contusão e achei melhor me aquecer no palco fazendo um pouco de aeróbica com outros Atletas. Esta foi a minha segunda participação em corrida de Rua e devido a minha pouca experiência cometi o erro de sair forte.

Após dez minutos de prova senti as dores novamente nas duas panturrilhas (batata da perna), sendo que a da perna direita doía muito. Resolvi diminui o ritimo, aliás não tinha outro jeito e fui alcançado pelo Elton, Atleta também de Francisco Morato. Contei-lhe sobre a minha contusão e ele gentilmente me acompanhou e me incentivou até o final da prova.

Esta corrida apesar da minha contusão foi menos difícil que a de Perus, que foi realizada no dia 10/07/11 que também foi organizada pela Prefeitura do Município de São Paulo, e tinha muitas subidas ao contrario da Prova de Rua de Pirituba. Em Perus terminei os 5 kilometros com o tempo de 00:32:07 e a de Pirituba em 00:29:24. Duarte, um Atleta em formação, de Francisco Morato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *