Regulamento anti desportivo impede final emocionante no Gp de Mônaco, Formula 1 de 2011.


O Gp de Mônaco da Formula 1 de 2011, trouxe bastante emoção este ano, um dos fatores foram as ultrapassagens que ocorreram em lugar que nunca antes havia ocorrido, isto foi possível devido ao uso da abertura de Asa, da utilização do  Kers e dos desgastes de pneus. Michael Schumacher foi o principal protagonista destas ultrapassagens.

O corrida foi muito movimentada e com muitos acidentes, sendo que no ultimo deles foi decretada a bandeira vermelha. Momentos antes a liderança estava sendo disputada por três pilotos, Sebastian Vetell na frente com os pneus em péssimo estado, Fernando Alonso em segundo com os pneus um pouco melhor e em terceiro Jenson Button, dos três o que estava com os pneus em melhores condições.

Quando a corrida foi interrompida com bandeira vermelha devido a um acidente, tudo levava a crer que a diretoria do Gp de Mônaco da Formula 1 de 2011 não desejava ver a prova que estava com disputa intensa pela liderança terminasse com o Safety Car na pista. Mas devido ao regulamento considerado anti desportivo foi permitido aos pilotos a troca dos pneus sob bandeira vermelha. Com isto as ultimas voltas do grande premio não tiveram a emoção esperada. Sebastian Vettel ganhou pela primeira vez em Mônaco. Confira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *